Home / Relatos no Feminino / “Minha vida toda a partir dos nove anos foi aqui dentro… carnavais, aniversários, festas, casamentos, tudo em função do Treze de Maio”
IMAGEM ALCIONE3

“Minha vida toda a partir dos nove anos foi aqui dentro… carnavais, aniversários, festas, casamentos, tudo em função do Treze de Maio”

IMAGEM ALCIONE1 JPEG
Na manhã de segunda-feira (16/10/11)  uma entrevista animou o Treze…
A entrevista foi concedida pela antiga sócia do Clube Treze de Maio, Alcione Flores do Amaral, que fez um belo relato sobre sua história aos acadêmicos do curso de História da UFSM  Alexon Messias, Franciele Oliveira e Gilvan Ferraz, em especial sua história relacionada ao antigo Clube, tendo em vista que os estudantes estão realizando a descrição arquivística de 47 fotos doadas pela antiga sócia.
Alcione falou principalmente sobre os bailes e as festas do clube, onde muitas vezes atuou como rainha e a partir desses relatos os acadêmicos montarão uma biografia da ex-sócia.
IMAGEM ALCIONE2 JPEG
Quando questionada por que resolveu doar as fotos, a resposta veio rapidamente: “Primeiro por que o Treze faz parte da minha vida, sou solteira e não tenho filhos, então essas coisas vão se perder no momento que eu não estiver mais aqui… Toda documentação e as fotos que tenho vou doar para o Museu”.
 
Prática do Historiador em Arquivos
O trabalho de descrição arquivística faz parte da Disciplina Prática do Historiador em Arquivos, ministrada pela Profa. Dra. Glaucia Konrad do Curso de História da UFSM e é orientada no Museu pela Ms. Giane Vargas Escobar.
O Museu Treze de Maio possui um rico acervo arquivístico coordenado pela acadêmica de Arquivologia da UFSM Letícia de Aguiar Correa.
Para melhor atender a este trabalho minucioso os alunos fizeram uma visita técnica ao Centro Histórico Coronel Pillar, onde tiveram a oportunidade de participar de uma oficina com a Arquivista Maria Cândida da Silveira Skrebsky que ao final disponibilizou sua dissertação de mestrado para servir de subsídio para a descrição destas imagens. 
Sobre Alcione

            Com oito anos, convidada por uma amiga a ir ao um baile infantil de pré-carnaval do Treze de Maio, volta rainha do Treze… Acha que para tristeza do pai, que pertencia a outro clube, conta Alcione.

 IMAGEM ALCIONE3

“Aí que é a minha primeira ligação com o Treze de Maio… A partir daí, fico frequentando o Treze”.
 
Alcione Flores do Amaral nasceu em Junho de 1953. É filha única de Agenor Alves do Amaral e Zilda Flores do Amaral. Trabalhou por muitos anos como professora, atuando na área das Letras – Inglês e Português.
Segundo ela, toda ligação com o Clube começa por seu pai, que “trouxe a tradição do carnaval de Uruguaiana para Santa Maria”, chegando aqui se dedicou às sociedades de negros, tendo vínculo primeiramente com o clube União Familiar e depois com o Treze de Maio.

Deixar um Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current day month ye@r *